Gestolen Fiets BrancoGestolen Fiets Branco

Desde 2012 que é possível seguir a história da Bicicleta Roubada, ou, como diriam os holandeses, a história sobre “Gestolen Fiets”, não só no rótulo de tintos como de brancos: Gestolen Fiets Branco. O rótulo foi criado para o mercado holandês, em 2004, pelo artista Willem Holtkamp.

Vinificação

O ano de 2011 caracterizou-se por uma floração muito precoce e todo o ciclo vegetativo foi antecipado com a vindima a iniciar-se mais cedo do que nunca. No entanto, as vinhas plantadas a maior altitude foram mais lentas do que as restantes e, quando a vindima terminou, todos os vinhos apresentavam uma boa quantidade de ácido málico, factor muito importante para dar um palato fresco aos vinhos brancos, que não efectuam a fermentação maloláctica. A vindima teve início no final de Agosto. Após uma rápida prensagem, sem contacto com as películas, o mosto repousou durante 24 horas. A fermentação decorreu em cubas de aço inox (75%) e em barricas de carvalho francês (25%). O vinho estagiou nestes dois tipos de contentores, durante 7 meses, sobre as borras finas, sem bâtonnage e sem fermentação maloláctica.

Notas de Prova

Cor citrina, com carácter mineral intenso e forte presença de aromas cítricos, com notas florais e de pêssego. No palato, revela um grande equilíbrio e complexidade, com aromas de frutos de caroço e uma acidez refrescante. Final muito longo e salgado.

Informação Técnica

Produtor

Niepoort (Vinhos) S.A.

Região

Douro

Tipo de Solo

Micaxisto

Vinhas

Várias

Idade das Cepas

20 - 50 anos

Castas

Rabigato, Códega do Larinho, Gouveio, Dona Branca, Viosinho, Bical e outras

Densidade por HA

4000-6000

Condução das Vinhas

Guyot e Royat

Altura do Mar

550-700

Período de Vindima

Agosto/Setembro

Forma de Vindima

Manual

Maloláctica

Não realizada

Fermentação

Cubas de aço inox (75%) e barricas de carvalho francês (25%)

Engarrafado

Abril 2012

Estágio

Cubas de aço inox e barricas de carvalho francês

Extracto Seco (g/dm3)

19

Açúcar Residual (g/dm3)

3

Álcool (%)

13.5

pH

3.31

Acidez Total (g/dm3)

4.8

Acidez Volátil (g/dm3)

0.4

Produção

92.820 garrafas

Sugestão de acompanhamento

Peixes grelhados e assados, pasta com frutos do mar, carnes brancas.

Com a mesma filosofia do vinho tinto, o branco é um vinho para ser apreciado em momentos descontraídos, com bons amigos e boa comida, para acompanhar os prazeres simples da vida. As uvas são provenientes de vinhas situadas a cerca de 600 metros de altitude, com castas típicas do Douro, plantadas em solos de micaxisto, que transmitem ao vinho um forte carácter de mineralidade. Com o objectivo de fazer um vinho leve, fresco, mas com complexidade, a vinificação decorreu em cubas inox e em barricas de carvalho francês.

A ilustração do rótulo, com histórias que se vão alterando nas várias edições, reforça o carácter descontraído deste vinho.

Vinificação

O ano de 2012 ficou marcado pela falta de chuva na região do Douro. Como consequência, o ciclo vegetativo da vinha começou, em média, 15 dias mais tarde do que nos anos anteriores. Por outro lado, o Inverno de 2012 registou temperaturas muito baixas, o que permitiu um crescimento adequado e equilibrado da vegetação. O período de maturação foi menos quente que o habitual, tendo dado origem a um bom equilibrio na acidez total dos mostos.

As uvas foram colhidas no princípio de Setembro e, depois de uma selecção rigorosa na mesa de escolha, foram prensadas lentamente. Sem maceração pelicular, o mosto ficou em repouso durante 24 horas, seguido de uma fermentação lenta durante 9 meses, sem batônnage.

Notas de Prova

O branco 2012 apresenta uma cor citrina viva e cristalina. O nariz é mineral, com um carácter pronunciado a aromas de fruta branca muito fresca.

Na boca, inicia-se fresco, equilibrado e com complexidade. Os aromas são de pura fruta branca, conjugada com notas de fumado que sublinha a autenticidade deste vinho. Final longo, acabando com um salgado característico do terroir.

Informação Técnica

Produtor

Niepoort (Vinhos) S.A.

Região

Douro

Tipo de Solo

Micaxisto

Vinhas

Várias

Idade das Cepas

20 - 50 anos

Castas

Rabigato, Códega do Larinho, Gouveio, Dona Branca, Viosinho, Bical e outras

Densidade por HA

4000-6000

Condução das Vinhas

Guyot e Royat

Altura do Mar

550-700

Período de Vindima

Agosto/Setembro

Forma de Vindima

Manual

Maloláctica

Não realizada

Fermentação

Cubas de aço inox (75%) e barricas de carvalho francês (25%)

Engarrafado

Maio 2013

Estágio

Cubas de aço inox e barricas de carvalho francês

Extracto Seco (g/dm3)

19

Açúcar Residual (g/dm3)

3.1

Álcool (%)

13

pH

3.38

Acidez Total (g/dm3)

4.7

Acidez Volátil (g/dm3)

0.5

SO2 Livre de Enchimento (mg/dm3)

20

SO2 Total (mg/dm3)

62

Massa Volúmica (g/cm3)

0.9882

Sugestão de acompanhamento

Peixes grelhados e assados, pasta com frutos do mar, carnes brancas.