BastardoBastardo

O Bastardo é uma casta que facilmente se encontra espalhada nas vinhas velhas do Douro. Também conhecida como Trousseau na região Francesa do Jura, é uma casta de ciclo curto, com maturações prematuras, normalmente utilizada para aumentar o teor de açúcar dos mostos, de uvas provenientes de zonas mais frescas. A ideia ao produzir este Bastardo, foi tentar domar o carácter rústico da casta e procurar o seu lado mais elegante e fresco. As videiras de Bastardo encontram-se espalhadas nas vinhas velhas da Quinta de Nápoles, onde toda a viticultura é biológica.

Vinificação

O Ano vitícola de 2017 caracteriza-se por um Inverno seco, com precipitações muito inferiores à média dos últimos 30 anos, e uma Primavera quente e seca, com ondas de calor até ao final de Junho. Com o aumento das temperaturas médias e a falta de precipitação a videira mostrou um avanço na fenologia de cerca de 15 dias desde o abrolhamento até ao Pintor. O Verão continuou com temperaturas altas e precipitação baixa originando um início de vindima precoce, intensa e curta.

As uvas para o Bastardo, foram depositadas com 100% de engaço, em cubas de inox num processo de maceração de cerca de duas semanas.

Concluída esta fase do processo, o vinho foi prensado e iniciou a sua fermentação maloláctica em barricas de madeira antiga, permanecendo em estágio durante cerca de 20 meses.

Notas de Prova

Cor vermelha muito viva e aberta, mostra um aroma muito fino e delicado.

É fresco, pleno de aromas silvestres e boas notas vegetais muito típicas da casta, mas também da fermentação com engaço. Na boca, apesar de muito marcado pela fruta vermelha, tem um bom equilíbrio, com taninos muito ligeiros e polidos, torna-se vibrante graças a uma acidez bem vincada. De baixa concentração, o Bastardo 2017 é um vinho muito fresco, com um perfil rústico, lembrando os vinhos à moda antiga. Final de boca muito longo e preciso. Um vinho extremamente flexível a qualquer tipo de prato. Recomenda-se beber fresco (12/14ºC) e em copo tipo Borgonha.

Informação Técnica

Produtor

Niepoort (Vinhos) S.A

Região

Douro

Tipo de Solo

Xisto

Vinhas

Vinhas da Quinta De Nápoles

Idade das Cepas

30 e mais de 70 anos

Castas

Bastardo

Densidade por HA

6000

Condução das Vinhas

Guyot e Royat

Altura do Mar

120-350

Período de Vindima

Agosto e Setembro

Forma de Vindima

Manual

Maloláctica

Em barrica

Fermentação

Em Inox

Engarrafado

Março 2019

Estágio

20 meses em barrica de carvalho Francês

Extracto Seco (g/dm3)

23.7

Açúcar Residual (g/dm3)

0.6

Álcool (%)

12.2

pH

3.61

Acidez Total (g/dm3)

5.4

Acidez Volátil (g/dm3)

0.8

SO2 Livre de Enchimento (mg/dm3)

23

SO2 Total (mg/dm3)

109

Produção

2600 garrafas

Alergénios

Sulfitos

Sugestão de acompanhamento

Enchidos, grelhados, pratos com ervas aromáticas (açorda, cous-cous). Cogumelos e saladas frias.

Apto para Veganos

sim

Garrafa

Caixa

16 31 23.5 × 6 9965 cardboard

Palette

120 80 × 7 Fiadas 100 Caixas