Gonçalves FariaGonçalves Faria

António Maria Gonçalves Faria foi um dos míticos produtores da Bairrada nos anos 90. Vinhos como o Tonel 5 1990 ou o Reserva 1991 ficarão gravados para sempre na história da Bairrada. Para Dirk Niepoort (que chegou a ser o distribuidor destes vinhos), poder trabalhar estas vinhas magníficas é um enorme privilégio. Tentaremos, ano após ano, homenagear o saudoso António Maria Gonçalves Faria e o seu filho João Pedro, hoje responsável pelo trabalho nas vinhas, produzindo vinhos intemporais, profundos e com muito carácter.

Vinificação

2013 foi um ano húmido, com chuva durante o Inverno e a Primavera. Como consequência disso, a rebentação ocorreu quinze dias mais tarde do que no ano anterior e todo o ciclo vegetativo se atrasou. O Verão não foi tão quente como habitualmente e as noites foram bastante frias nas duas últimas semanas de Agosto.

A vindima começou em fins de Setembro em vinhas velhas. A maturação foi muito equilibrada, com um bom teor de açúcar nas uvas e um teor de ácido málico relativamente alto, tendo conferido bons pHs ao vinho, resultando numa acidez total maior do que no ano anterior. Os vinhos tintos são equilibrados e com boa frescura. O Gonçalo Faria tinto 2013 provém de várias parcelas de vinhas velhas. Foi vinificado em lagar aberto, onde fermentou durante 4 semanas e terminou a fermentação em tonel. A maloláctica ocorreu em tonel usado de 2500L, onde o vinho estagiou durante 20 meses. Foi engarrafado sem filtração.

Notas de Prova

Com uma bonita cor violeta de ligeira concentração, o aroma é muito fino, profundo e complexo. Notas de frutos do bosque em harmonia com um intenso perfil mineral, onde as notas de giz saltam do copo. Embora muito jovem, impressiona pela harmonia, com os taninos sedosos envolvidos em notas de fruta fresca. De enorme estrutura e potência, todo o conjunto é delicado, elegante e muito fino, graças à frescura da fruta e à excelente acidez. Final refrescante, quase salgado e muito focado no terroir de calcário. Um vinho perfeito para beber em novo e sentir toda a sua harmonia, mas que envelhecerá com grandeza.

Informação Técnica

Produtor

Quinta de Baixo (Vinhos) S.A.

Região

Bairrada

Tipo de Solo

Argilo-calcário

Idade das Cepas

70 anos

Castas

Baga

Densidade por HA

2500

Condução das Vinhas

Guyot

Altura do Mar

À cota do mar

Período de Vindima

Finais de Setembro

Forma de Vindima

Manual

Maloláctica

Tonel

Fermentação

Lagar/Angoreta

Engarrafado

Junho de 2015

Estágio

20 meses em tonel

Açúcar Residual (g/dm3)

1.2

Álcool (%)

11

Acidez Total (g/dm3)

5.44

Acidez Volátil (g/dm3)

0.76

SO2 Total (mg/dm3)

44

Produção

3.300 garrafas / 0.75L

Alergénios

Sulfitos

Sugestão de acompanhamento

Pratos com alguma gordura (bacalhau, polvo, porco preto) e casa muito bem com arroz de marisco.

António Maria Gonçalves Faria foi um dos míticos produtores da Bairrada nos anos 90. Vinhos como o Tonel 5 1990 ou o Reserva 1991 ficarão gravados para sempre na história da Bairrada. Para Dirk Niepoort (que chegou a ser o distribuidor destes vinhos), poder trabalhar estas vinhas magníficas é um enorme privilégio. Tentaremos, ano após ano, homenagear o saudoso António Maria Gonçalves Faria e o seu filho João Pedro, hoje responsável pelo trabalho nas vinhas, produzindo vinhos intemporais, profundos e com muito carácter.

Vinificação

2015 foi um ano húmido, com chuva durante o Inverno e a Primavera. Como consequência disso, a rebentação ocorreu quinze dias mais tarde do que no ano anterior atrasando todo o ciclo vegetativo. O Verão não foi tão quente como habitualmente e as noites foram bastante frias nas últimas duas semanas de Agosto.

A vindima começou no início de Setembro. A maturação foi muito equilibrada, com um bom teor de açúcar e um teor de ácido málico relativamente alto, conferindo bom pH ao vinho e resultando numa acidez total mais elevada do que no ano anterior. Foi vinificado em lagar aberto, onde fermentou durante 4 semanas, terminando a fermentação em toneis usados de 2.500 L. Estagiou durante 20 meses. Foi engarrafado sem filtração.

Notas de Prova

Com uma cor violeta de ligeira concentração, o aroma é muito fino, profundo e complexo.

Notas de frutos do bosque em harmonia com um intenso perfil mineral, características da casta Baga, onde as notas de giz saltam do copo, expressando todo o terroir das vinhas.

Embora muito jovem, impressiona pela harmonia, com os taninos finos envolvidos em notas de fruta fresca. De enorme estrutura e potência, todo o conjunto é delicado, elegante e muito fino, graças à frescura da fruta e à excelente acidez. Final refrescante, salino e muito focado no terroir de calcário. Um vinho perfeito para beber em novo e sentir toda a sua harmonia, mas igualmente com um grande potencial de envelhecimento.

Informação Técnica

Produtor

Quinta de Baixo (vinhos) S.A

Região

Bairrada

Tipo de Solo

Argilo-calcário

Idade das Cepas

Mais de 70 anos

Castas

Baga

Densidade por HA

2500

Condução das Vinhas

Guyot

Altura do Mar

À cota do mar

Período de Vindima

Setembro

Forma de Vindima

Manual

Maloláctica

Em Tonel

Fermentação

Em Lagar

Engarrafado

Junho 2017

Estágio

20 meses em Tonel

Extracto Seco (g/dm3)

21

Açúcar Residual (g/dm3)

1.5

Álcool (%)

11.5

pH

3.58

Acidez Total (g/dm3)

5.3

Acidez Volátil (g/dm3)

0.67

SO2 Total (mg/dm3)

66

Massa Volúmica (g/cm3)

0.991

Produção

3300 garrafas

Alergénios

Sulfitos

Sugestão de acompanhamento

Pratos com alguma gordura (bacalhau, polvo, porco preto). Acompanha muito bem um arroz de marisco.

Apto para Veganos

não

Garrafa

Caixa

16 24 31 × 6 8000 cardboard

Palette

120 80 × 7 Fiadas 100 Caixas

António Maria Gonçalves Faria foi um dos míticos produtores da Bairrada nos anos 90. Vinhos como o Tonel 5 1990 ou o Reserva 1991 ficarão gravados para sempre na história da Bairrada. Para Dirk Niepoort (que chegou a ser o distribuidor destes vinhos), poder trabalhar estas vinhas magníficas é um enorme privilégio. Tentaremos, ano após ano, homenagear o saudoso António Maria Gonçalves Faria e o seu filho João Pedro, hoje responsável pelo trabalho nas vinhas, produzindo vinhos intemporais, profundos e com muito carácter.

Vinificação

O Inverno na Bairrada foi rigoroso, longo e com uma precipitação bastante elevada, como já tinha acontecido em 2013. Uma Primavera quase inexistente e um Verão com temperaturas a rondar os 30°C dificultaram o controlo de doenças e a maturação.

Na vinha, iniciou-se o controlo de maturação em meados de Agosto. A vindima começou no início de Setembro.

O Gonçalves Faria foi vinificado em lagar aberto, onde fermentou durante 4 semanas, terminando a fermentação em toneis usados de 2.500 L.

Estagiou durante 20 meses.

Foi engarrafado sem filtração.

Notas de Prova

Com uma cor Rubi cristalina e um aroma muito fino e profundo.

Notas de frutos silvestres em harmonia com um intenso perfil mineral, característico da casta Baga, onde as notas de giz aparecem, expressando todo o terroir das vinhas.

Embora muito jovem, impressiona pela harmonia, com os taninos finos envolvidos em notas de fruta fresca. De enorme estrutura e potência, todo o conjunto é delicado, elegante e muito fino, graças à frescura da fruta e à excelente acidez.

Final refrescante, salino e muito focado no terroir de calcário. Um vinho perfeito para beber em novo e sentir toda a sua harmonia, mas igualmente com um grande potencial de envelhecimento.

Informação Técnica

Produtor

Niepoort (Vinhos) S.A

Região

Bairrada

Tipo de Solo

Argilo-calcário

Idade das Cepas

Mais de 70 anos

Castas

Baga

Densidade por HA

2500

Condução das Vinhas

Guyot

Altura do Mar

À cota do mar

Período de Vindima

Setembro

Forma de Vindima

Manual

Maloláctica

Em Tonel

Fermentação

Em Lagar

Engarrafado

Junho 2016

Estágio

20 meses em Tonel

Açúcar Residual (g/dm3)

1.7

Álcool (%)

10.8

Acidez Total (g/dm3)

5.18

Acidez Volátil (g/dm3)

0.7

SO2 Total (mg/dm3)

43

Massa Volúmica (g/cm3)

0.992

Produção

3320 Garrafas

Alergénios

Sulfitos

Sugestão de acompanhamento

Pratos com alguma gordura (bacalhau, polvo, porco preto). Acompanha muito bem um arroz de marisco.

Apto para Veganos

não

Garrafa

Caixa

16 24 31 × 6 8000 cardboard

Palette

120 80 × 7 Fiadas 100 Caixas